samedi, octobre 15, 2011

22:18

Queria fugir, mas os pés não me obedeciam, parecia que estavam colados ao chão. Queria gritar mas as palavras não saiam, estavam presas na minha garganta. Queria mexer-me mas não conseguia fazer nenhum movimento. Foi nesse momento que percebi que estava presa e que não podia controlar o meu próprio corpo (...)

10 commentaires:

  1. presa à tua própria vida, ao teu próprio amor! Liberta-te, a vida espera por ti. não te prendas a nada, a não ser quando encontrares a tua verdadeira felicidade.

    RépondreSupprimer
  2. obrigada linda, sigo também (:

    RépondreSupprimer
  3. não foi o corpo que não conseguiste controlar... foi o coração.

    RépondreSupprimer
  4. ainda me lembro da ultima vez que me aconteceu isso, mas foi pelo lado bom *.* apenas fiquei tão espantada que o meu corpo e voz ficou estatua :)

    RépondreSupprimer
  5. Vai chegar alguém para te soltar (:

    RépondreSupprimer
  6. não tens que agradecer!

    RépondreSupprimer
  7. adoro adoro adoro! estou a seguir :)

    RépondreSupprimer

''Utiliza palavras suaves e argumentos fortes''
Obrigada pela visita